quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

Como se caísse num lago coberto de gelo...


Por uns pequenos largos e dolorosos momentos,
pensei que ia morrer,
senti-me tão triste tão vazia e sozinha...

O aperto no peito era tão forte,
a dor que provocava a tua possível ausência era tão grande,
que por momentos senti-me a desmaiar
não tendo onde cair...

Nunca antes tinha sentido o sabor da dor,
nesse dia saboreei-a,
é amarga como fel,
dolorosa como quem se queima profundamente e a sangue frio,
fria como se caíssemos num lago coberto de gelo
sem sequer saber nadar...

Nunca mais quero voltar a sentir essa dor...

3 comentários:

Goliath disse...

Vejo que ama alguem com intensidade tal que o medo de a perder se torna insuportavel.
Mas saber amar implica por vezes saber perder e saber perdoar essa perda.

Pense nisso.
Goliath Tribal

LadyButerfly disse...

Também tem razão Goliath, mas a verdade é que ambos nos amamos e ambos decidimos lutar por esse amor, começar do zero... ;) Obg pelo comentário

Goliath disse...

Vai perdoar a minha ignorância, mas chegado de forma recente ao seu blog, vejo que as coisas nem sempre estiveram bem entre si e a pessoa que ama.
Significa que souberam perdoar os erros cometidos no passado.
Muitos parabéns aos 2 por isso.
Voltarei cá para acompanhar o seu blog. Já estive a ler e de facto tem textos lindissimos.